De 13 a 17 de Novembro, em Belo Horizonte, o maior festival de quadrinhos da América Latina! Entrada gratuita!


Cada vez que anunciamos um novo convidado, ficamos imaginando mais uma pessoa anotando mentalmente: preciso ir ao FIQ. Quando você souber o próximo nome, aí não tem mais volta. Vai ficar pensando nisso todos os dias até novembro, se já não está. Então que assim seja. Ele é, certamente, um dos principais quadrinistas do Brasil, afinal é responsável por títulos como Necronauta e Astronauta – Magnetar. Isso mesmo! Danilo Beyruth no 8º FIQ, que acontece de 13 a 17 de novembro, em Belo Horizonte, e tem entrada gratuita! E a lista não para (e nem pretende parar de) crescer. Basta aguardar com o coração acelerado por novas informações desse festival que só quer sua felicidade.

danilobeyruth

Nascido em São Paulo, em 1973, Beyruth é formado em Desenho Industrial. Antes de tentar a carreira de quadrinistas, nosso convidado fazia ilustrações para publicidade. Mas em 2006 resolveu fazer um curso de perspectiva, além de um curso sobre narrativa de histórias em quadrinhos. Mas será que ele já sabia sobre o quanto daria certo?

Olha só, já no ano seguinte começou a publicação daquele que seria um de seus principais trabalhos: Necronauta. Incialmente, o quadrinho foi publicado de forma independente, mas ganhou mais visibilidade quando passou a compor a antologia Popgun, da editora Image, que ganhou um prêmio Eisner. Isso fez com que recebesse o interesse da editora HQM, que publicou, em 2010 o primeiro volume de Necronauta. Já o segundo volume foi publicado em 2011, pela Zarabatana.

pag 09 copy

Outro sucesso foi Bando de Dois, Graphic Novel lançada também pela Zarabata e produzida com um financiamento da Secretaria da Cultura de São Paulo, por meio do Programa de Ação Cultural, o ProaC. Os personagens Tinhoso e Caveira de Boi, últimos sobreviventes de um grupo de 20 cangaceiros, ganharam fãs por todo o Brasil. O álbum recebeu o prêmio Angelo Agostini (melhor lançamento) e o Troféu HQ Mix em três categorias (Melhor Desenhista Nacional, Melhor Roteirista Nacional e Melhor Edição Especial Nacional).

20101217-bando de dois A web

Beyruth também foi um dos participantes da MSP +50, que reuniu diversos quadrinistas de todo o Brasil. A ideia, que ganhou grande repercussão, foi a de fazer várias versões de histórias e personagens de Mauricio de Sousa. Nosso convidado fez uma leitura própria da Turma do Penadinho. Entre suas diversas participações em antologias, estão Jesus Hates Zombies, Inkshot e Fierro.

Em Novembro de 2011, durante o 7º FIQ, o editor e jornalista Sidney Gusman anunciou a Graphic MSP, uma série de graphic novels que, diferente dos álbuns da série MSP 50, teriam, cada uma, uma única história. Danilo Beyruth foi um dos escolhidos. Ficou responsável por criar uma história para o Astronauta. Mais um sucesso! Astronauta – Magnetar, esgotou as tiragens de capa dura, ganhando nova impressão. Além disso, será lançado também na Europa. Além disso, foi a HQ mais lembrada de 2012, segundo o prêmio HQMix, recebendo os títulos de Edição Especial Nacional, Desenhista Nacional e Projeto Editorial (ao selo Graphic MSP).

AstronautaMagnetar

E além de tudo isso, teremos novidades ainda nesse ano. É que nosso convidado está trabalhando em uma nova Graphic Novel, que vai se chamar São Jorge. A história é sobre o mito do santo e, segundo o autor, ficará pronta até o final de 2013. Será que vai ser lançada no FIQ? Cruze os dedos...

sj

Curtiu saber que vai ver o Danilo Beyruth em novembro? Gaste seu tempo com qualidade enquanto espera: conheça o blog do artista!